Login

Prêmio “Conciliar é Legal” tem vencedores definidos

O prêmio homenageia magistrados e servidores que tenham criado práticas jurídicas que contribuam para a pacificação social
terça, 26 de dezembro de 2017

O Comitê Gestor de Conciliação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) definiu no último dia 15/12 os vencedores da 8ª edição do prêmio “Conciliar é Legal”. O objetivo da premiação é reconhecer nacionalmente boas práticas de solução de conflitos e aprimorar o Poder Judiciário no sentido da autocomposição.

Nesta edição, foram eleitos, ao todo, 11 projetos, nas categorias Tribunal Estadual; Tribunal Regional do Trabalho; Tribunal Regional Federal; Juiz Individual (nos três ramos – Justiça Estadual, Trabalho e Federal); Instrutores de Mediação e Conciliação; Ensino Superior; Mediação e Conciliação Extrajudicial e Demandas Complexas e Coletivas.

A cerimônia de entrega dos prêmios será realizada no dia 6 de fevereiro de 2018, após o término da primeira Sessão Plenária do CNJ. O prêmio tem como objetivo homenagear magistrados e servidores que tenham criado práticas jurídicas que contribuam para a pacificação social e foi lançado pelo CNJ em 2010.

Para a diretora da Câmara de Conciliação e Mediação Vamos Conciliar, Perla Cruz,  o prêmio “Conciliar é Legal” é uma nobre iniciativa do Conselho Nacional de Justiça. “ Esse prêmio busca estimular e disseminar a cultura dos métodos consensuais de resolução de conflitos, além de ser um mecanismo de modernização da Justiça, o que contribui para a efetiva pacificação social”.

comentários

Fale Conosco

Entre em contato conosco e tire suas dúvidas sobre a conciliação.
Atendimento em horário comercial.